Qua, 25 de março de 2009
Tour Forquilha - Biguá
Escrito por: Rodrigo Martins
   

Essa foi a nossa primeira pedalada do ano. Conhecemos pelo nome de “Morro da Boa Vista”, mas até hoje ninguém nos confirmou isso e tão pouco negou. Faz jus ao suposto nome, pois realmente é muito bonito por lá. É a clara sensação do tão longe e tão perto ao mesmo tempo. Não sei dizer exatamente que horas saímos, nem quanto tempo levamos para chegar até lá... De manhã cedo minha cabeça não funciona muito bem e lembrar desses detalhes é exigir demais de qualquer um. Saindo do Estreito (capital de Florianópolis), deu pouco mais de 43 km em 3 horas e meia de pedalada. Fez um dia muito quente e boa parte do percurso é subindo sempre - estilo: - Para o alto e avante! Pedalamos num rítmo bem lento, muito lento... e vez ou outra - ainda por cima -, demos uma constrangedora empurradadinha nas nossas bikes... 

Pela foto parece ser mais fácil do que realmente é.

Além da minha ilustre presença, essa pedalada matinal contou também com o Sr. Marcelo (especialista em fotos em 1ª pessoa ao avesso...) e o Sr. Fernando. O Marcelo - assim imagino -, sempre estará presente nas pedaladas, até por que é o aprendiz de mecânico e também carrega as ferramentas. Não quero questionar a qualidade do serviço dele - nem acusar nada, pois não tenho provas. Mas o meu Mr. Tuffy (aquela coisinha enganadora que vai entre o pneu e a câmara-de-ar e que diz a lenda - não fura nunca!...) apareceu meio atravessado e obviamente o escolhido aqui - teve mais uma vez seu pneuzinho furado, mesmo com a tal tira anti-furos... Fernando é o do capacete amarelo na foto acima. Recrutamos a pequena criança para substituir o nosso saudoso colega Marcos Paulo - que evaporou para Nárnia, sumindo definitivamente de vez do mapa terrestre.

Falei! Não é tão fácil quanto parece...

A subida é um pouco cansativa, mas compensa pela longa descida. Praticamente meia hora só de descida e mesmo numa estrada de chão com várias curvas que insistem em aparecer do nada - a velocidade máxima passa tranquilamente dos 60km/h. Cuidado apenas com o trânsito local. Não se empolgar demais no trajeto morro abaixo após a tão sofrida subida e correr o risco de dar de cara com uma Tobata da vida...

Lido 1588 vezes
Comentários
Qui, 27 de agosto de 2009
escrito por: leocastilho
Sei que faz tempo esse post, mas estou lendo desde o seu primeiro post.

Pretendo fazer umas trilhas em floripa e estou dando uma olhada nos relatos.
Sex, 18 de junho de 2010
escrito por: Mauricio
Olá, conheci o site ontem e estou acessando pela 1ª vez. Poís então, estou lendo o conteúdo todo e gostei desta trilha. Se puderem me mandar o mapa eu agradeço.
Ah, é o segundo post que estou lendo, mas achei muito legal o site de vocês, Abraços.
Ter, 26 de julho de 2011
escrito por: Rafael Siqueira
Encontrei o Site de vocês no Pedal.com hj começei ver algumas de suas pedaladas e gostei muito então quis ver onde tudo começou, sou iniciante e em breve quero fazer algumas tbm...Parabéns pelo site
Qua, 23 de maio de 2012
escrito por: susi saito
Pois é... O que um boot não faz! Não é que consegui torcer o pé e ficar - de novo! - num molho forçado? Lado bom: Vadiar na internet com tempo suficiente para ler os posts de vcs, desde o início... quando é que arrumaria tempo pra isso? Bem... arrumaria! Pois, ao acabar de ler, fica sempre a vontadinha de continuar viajando junto! Tudo de bom! Amigos, pedal, trilhas, paisagem de tirar o fôlego, subidas também e descidas pra deitar o cabelo...

Vou passear nos próximos posts!
» Postar um comentário
Patrocínio
Pizza Bis
Apoio
LaiLai EntregaBeleza BikFURBO ConfecçõesOndePedalar.com.br
Sigam-nos
© 2018 - pedaladas.com.br
Desocupado N°: 400578